Unidade Otávio Lage produzirá Açúcar

Print Friendly, PDF & Email

A Unidade Otávio Lage, que produz etanol e energia (por meio da termelétrica Albioma/Codora), passará a fabricar açúcar. A empresa está recebendo um investimento de R$ 54 milhões para aquisição de equipamentos para construção da fábrica e do Centro de Distribuição e Armazenamento de Açúcar.

A capacidade de produção está estimada em 15 mil sacas/dia, totalizando 140.000 toneladas de açúcar por safra. A expectativa é de que as obras sejam concluídas em abril de 2017 e a fábrica entre em operação já na safra 2017/18.

“Optamos por fazer esse investimento, mesmo em uma época de crise, devido às boas expectativas do mercado de açúcar. A tendência mundial é de que o preço do açúcar seja mais competitivo do que o de etanol. Assim, teremos um mix de produtos mais adequado e vamos agregar valor à nossa empresa”, explica o diretor-presidente, Otávio Lage de Siqueira Filho.

Além disso, o preço do etanol está atrelado à política de combustíveis adotada pelo Governo, que nem sempre é favorável ao setor sucroenergético. Já os preços do açúcar são determinados pelo mercado internacional e sofrem menor interferência do Governo, o que para as usinas é uma vantagem.

Imprensa Jalles Machado

Veja Também

ORPLANA requer que produtores de cana recebam créditos outorgados de ICMS

Pleito se faz necessário visto que a concessão dos créditos foi instrumento de ajuste relativos …