Goiás tem maior potencial solar da Região Centro-Oeste

Print Friendly, PDF & Email

O Centro-Oeste brasileiro possui um significativo potencial solar devido às suas características geográficas e climáticas. Esta região é conhecida por apresentar elevada incidência solar ao longo do ano, com pouca variação sazonal, o que a torna altamente favorável para a geração de energia solar. A região possui vastas áreas de terras planas e baixa densidade populacional, o que facilita a instalação de grandes parques solares e sistemas fotovoltaicos. Além disso, a disponibilidade de terras e a infraestrutura de transmissão de energia elétrica contribuem para o desenvolvimento de projetos solares em larga escala.

O estado do Centro-Oeste brasileiro com o maior potencial solar é Goiás. Goiás possui condições climáticas extremamente favoráveis para a geração de energia solar, com altos níveis de irradiação solar ao longo do ano. Sua topografia predominantemente plana e a disponibilidade de vastas áreas de terras contribuem para maximizar o aproveitamento da energia solar na região. De acordo com dados da Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (Absolar), Goiás contribui com 4,4% de toda a potência instalada de energia solar no País. Ano passado o  Estado ultrapassou a marca de 1,1 gigawatt de capacidade instalada em energia solar. Com isto, está entre os dez estados brasileiros com maior potência instalada na geração própria em telhados e pequenos terrenos.

Além disso, Goiás tem investido em políticas de incentivo à energia solar e em projetos de geração solar, tanto em grande escala, como parques solares, quanto em sistemas distribuídos, como instalações fotovoltaicas em residências, empresas e propriedades rurais. Já são mais de 122 mil consumidores.

Parques solares em área rural em Goiás

Goiás possui parques solares em fazendas, também conhecidos como usinas solares fotovoltaicas. Esses parques solares são instalações onde são montados grandes arranjos de painéis solares em áreas extensas de terra, geralmente em propriedades rurais, com o objetivo de capturar a energia solar e convertê-la em eletricidade. Um exemplo de parque solar em fazendas em Goiás é o “Parque Solar Santa Luzia”, localizado no município de Jataí, no sudoeste do estado. Este parque solar é um empreendimento desenvolvido pela empresa Enel Green Power, uma das líderes globais no setor de energia renovável. O Parque ocupa uma área de aproximadamente 80 hectares e possui uma capacidade instalada de cerca de 80 megawatts (MW).

Novos investimentos

O Grupo EDP, empresa do setor elétrico de origem portuguesa, planeja aportes da ordem de R$ 530 milhões em Goiás, sendo R$ 325 milhões para construção de usinas e o restante em investimentos na transmissão. Estão previstas 11 novas usinas de geração de energia até o fim de 2024, com a criação de cerca de 550 empregos diretos e indiretos.

Vale ainda ressaltar que desde 2012, a geração própria de energia solar já proporcionou ao estado a atração de mais de R$ 5,7 bilhões em investimentos. Além da geração de mais de 33,8 mil empregos e a arrecadação de mais de R$ 1,2 bilhão aos cofres públicos.

 

Canal-Jornal da Bioenergia

Veja Também

Brasil alcança 6ª posição no ranking global de energia solar

País ganhou duas colocações no TOP 10 mundial; confira o levantamento completo da Agência Internacional …