Home » Cana de açúcar » A importância do acordo entre Mercosul e União Europeia

A importância do acordo entre Mercosul e União Europeia

Print Friendly, PDF & Email

A União da Indústria de Cana-de-Açúcar (UNICA) cumprimenta os países da União Europeia e do Mercosul envolvidos nesse acordo histórico. Ambos os blocos serão substancialmente beneficiados pela parceria comercial, abrindo novas perspectivas de negócios para o setor produtivo e consumidores em geral. Um acordo justo e equilibrado como esse fortalece nossas relações e reafirma a importância do livre comércio.

Apesar de, na nossa visão, as negociações para açúcar e etanol não terem sido ambiciosas o suficiente, dada a demanda europeia por açúcar e seu grande potencial de consumo de biocombustíveis, reconhecemos que o acordo foi o melhor possível considerando as limitações impostas pela UE.

O estabelecimento de cotas limita o atendimento da demanda do mercado europeu pelo setor sucroenergético. Contudo, estamos confiantes de que esse é um passo sólido em direção a uma maior abertura comercial. Estão contempladas no acordo cotas para importação de açúcar, etanol carburante e etanol para fins industriais. Ao tomar conhecimento dos volumes e tarifas acordados poderemos avaliar com mais propriedade os impactos para o setor.

Histórico

Em 2018, o Brasil exportou 349 mil toneladas de açúcar e 43 milhões de litros de etanol para a União Europeia. Até o atual acordo, o açúcar do país se enquadrava na cota CXL, de 780.925 toneladas, com uma tarifa intra-cota de 98 euros por tonelada. No caso do etanol, era aplicada uma tarifa de 0,19 euro/litro, o que praticamente impedia o acesso ao mercado. Unica