Safra 2021 é aberta na Usina Uruaçu

Print Friendly, PDF & Email

A expectativa é produção de mais de 1,2 milhão de toneladas de cana

 A Usina Uruaçu tem boas expectativas para a safra 2021 que se iniciou esta semana. O objetivo é aumentar a produção e moer 1,2 milhão de toneladas de cana-de-açúcar até meados do mês de novembro de 2021. Parte da moagem, cerca de 200 mil toneladas, será realizada por uma usina parceira.

Nesta safra a produção da usina será dedicada a produção de etanol hidratado, que é usado diretamente no abastecimento de veículos automotores,  a previsão é produzir 78 milhões de litros de álcool.

Segundo o gerente geral da Usina Uruaçu, Bartolomeu Ferreira, o rendimento agrícola esperado na safra é de  90 toneladas de cana por hectare, com uma moagem média diária de 5 mil toneladas.

A Usina Uruaçu gera emprego e renda na região, diretamente são aproximadamente  800 funcionários. Para que os profissionais sempre exerçam as suas funções com mais qualidade, a usina desenvolveu capacitações, grande parte foram realizados no período de entressafra.

Cuidados

A abertura de safra este ano foi simbólica, com um culto ecumênico transmitido pelas redes sociais da usina e contou com a participação do Padre Rafael T. Gonçalves e do Reverendo Adiel Ferreira . Além disso, contou com a participação da equipe de Louvor da Paróquia Nossa Senhora do Carmo.

Além disso,  a empresa segue adotando medidas rigorosas de prevenção exigidas em tempos de pandemia. Todas as normas de segurança para proteger a saúde dos colaboradores são prioridade, seguindo os protocolos recomendados pelo Ministério da Saúde.

O uso de máscaras é obrigatório e não há aglomeração de pessoas. O uso de álcool 70% e a aferição de temperatura de todas as pessoas que acessam a empresa é uma rotina diária. E a limpeza de todos os ambientes da usina é reforçada e o compartilhamento de objetos pessoais não é permitido. Além disso, houve aumento da quantidade de ônibus para transporte dos trabalhadores para evitar aglomerações.

A usina Uruaçu segue apoiando as prefeituras da região com a doação de álcool 70% para a descontaminação dos prédios, veículos e ambulâncias da rede pública de saúde. (Assessoria)