Assessoria de imprensa

Pioneira no segmento de estações de carregamento em Goiás, YellotMob chega a Pirenópolis

Print Friendly, PDF & Email

Um setor em expansão. Uma cidade turística de reconhecimento nacional e patrimônio cultural da humanidade. A YellotMob acaba de chegar a Pirenópolis (GO) e, através de uma parceria com a prefeitura da cidade e restaurante Chico de Sá, inaugura a primeira estação pública de carregamento para carros elétricos da região. A empresa goiana é uma das pioneiras ao oferecer o serviço, através do YellotMob. Segundo a plataforma da companhia, já existem 30 estações públicas de carregamento no Estado. Com isso, Pirenópolis sai na frente ao investir no desenvolvimento sustentável, oferecendo uma cidade turística mais inteligente e ambientalmente correta através da mobilidade elétrica.

A iniciativa é bem vista considerando que o preço de combustíveis é cada vez mais alto e a frota de veículos elétricos no país tende a crescer nos próximos anos. “Além de ser um diferencial em comodidade aos moradores e turistas, a estação de carregamento para veículos eletrificados, sinaliza uma cidade aberta à mobilidade elétrica, um setor necessário e em crescimento exponencial, que num futuro próximo será a realidade para a maioria da população no país. Economia também é um fator decisivo para quem adquire um carro elétrico. Portanto, as cidades precisam se antecipar à modalidade em curto/médio prazo”, avalia Pedro Bouhid, diretor executivo da Yellot.

É um ciclo virtuoso que só tende a crescer. O setor automobilístico já entendeu essa demanda e tem atuado para oferecer mais modelos ao mercado consumidor. De acordo com a Associação Brasileira de Veículos Elétricos (ABVE), triplicou o número de carros deste tipo em circulação no País nos últimos três anos. Isto porque, nos cinco primeiros meses de 2022 havia 142 modelos de veículos leves eletrificados à venda no Brasil. Em 2023, no mesmo período, o leque de ofertas foi expandido para 216 modelos. Colabora para essa expansão, o aumento da infraestrutura, com mais eletropostos e pontos de recarga, que servem como incentivo para quem deseja adquirir um veículo com esses diferenciais.

“A tendência é de uma melhor oferta de abastecimento – o que inclui locais públicos, espaços corporativos, grandes centros comerciais como shoppings e supermercados -, e o crescimento de uma frota nacional cada vez mais eficiente em todos os aspectos”, celebra Pedro Bouhid.

Em Pirenópolis (GO), a primeira estação pública de carregamento elétrico está localizada na Rua Nossa Sra. do Rosário, 2 – Centro, Pirenópolis – GO, 72980-000. A solenidade de lançamento ocorre nesta quarta-feira, dia 21 de junho, às 17h, em frente ao Chico de Sá e será prestigiada por autoridades municipais e empresariado local.

ALGUNS DADOS

Segundo a Associação Brasileira do Veículo Elétrico (ABVE):

*A tendência de crescimento do setor é impulsionada tanto pelo avanço tecnológico dos veículos elétricos quanto pelas políticas públicas de incentivo, a exemplo de isenções fiscais e a ampliação da infraestrutura de recarga.

*Em 2020, os veículos 100% elétricos representavam 4% do total de eletrificados (801, sobre 19.745) enquanto em 2021, essa participação pulou para 8% (2.851, sobre 34.990).

O ano de 2022 fechou com números muito representativos para o setor no país, sendo 49.245 unidades emplacadas (entre modelos híbridos, híbridos plug-in e elétricos) – mais que o dobro do ano anterior; um market share de 2,5% em relação ao total de emplacamentos domésticos no mesmo período (1.957.699) e uma frota eletrificada total circulante de 126.504 veículos. Os dados consolidaram um crescimento de 41% na comparação com 2021, quando 34.990 veículos ganharam oficialmente as estradas.

Maio de 2023, marca um recorde nacional de emplacamentos na série histórica ABVE. Dos 6.435 eletrificados vendidos em maio, 50,2% foram híbridos HEV (3.228) e 49,8% foram elétricos plug-in PHEV ou BEV (3.207). No acumulado de janeiro a maio, dos 26.014 eletrificados, 52,8% foram veículos híbridos não plug-in (13.745) e 47,2% foram elétricos plug-in (12.269).

Nos seis primeiros meses de 2023 os brasileiros já compraram 8.423 carros elétricos usados com previsão de chegar a 17 mil até dezembro. Isso representa um salto de 98% em relação ao mesmo período do ano passado.

De acordo com a Bloomberg New Energy Finance, até 2040, cerca de 30% da frota global de veículos de passeio deve ser elétrica e 57% de todas as vendas de carros serão de elétricos.

 

Sobre a Yellot

Referência em energia limpa no Centro-Oeste, a Yellot foi fundada em 2016 por três empresários – Pedro Bouhid, Jilson Brasil e Carlos Bouhid. Por seu pioneirismo, rapidamente ganhou projeção ao desenvolver projetos, instalações e consultoria em energia solar. Inicialmente atuando com a marca Dusol e entregando projetos de excelência nos escritórios de negócio em Goiânia (GO) e Brasília (DF), seus fundadores logo perceberam novas oportunidades de mercado, indo além das soluções em energia solar, a começar pelo nome.

Evoluindo e abrindo caminhos para ainda mais inovação e possibilidades em energia limpa, em abril de 2022 nasceu a Yellot. A empresa traz um portfólio ainda mais completo para atender empresas, indústrias, residências e agronegócio, com ênfase para grandes projetos. Com a Yellot, a empresa deixa explícito que o sol não é o limite, mas sim o início de um processo contínuo de inovação, ancorado em tecnologia e soluções que visam economia e sustentabilidade. Assessoria de imprensa

 

Veja Também

André Rocha assume Presidência da Fieg

André Rocha, Presidente-Executivo do Sifaeg e do Sifaçúcar, assumiu hoje (05) a presidência da Federação …