Maturador mostra resultados robustos com aplicação por drone em áreas de cana-de-açúcar de GO e SP

Print Friendly, PDF & Email

Ensaios técnicos em seis áreas de cana-de-açúcar, dos estados de Goiás e São Paulo, apontaram ganhos representativos associados ao manejo da cultura com o regulador de crescimento Sprint® 50 WG, da Sipcam Nichino Brasil. Coordenados pela Baldan Connected, do consultor Edison Baldan Jr., os experimentos constataram a entrega de resultados relevantes ao produtor, sobretudo em relação ao acréscimo de ATR (açúcar por tonelada de cana) e à qualidade da matéria-prima.

De acordo com a engenheira agrônoma Carulina Oliveira, gerente de marketing da Sipcam Nichino, as pesquisas, concentradas nas goianas Quirinópolis, Jandaia e Gouvelândia, e nas paulistas Batatais e Uchoa, compararam a ação de Sprint® 50 WG à de outros dois insumos do gênero, utilizados no manejo padrão do produtor.

Números robustos

Conforme Carulina, na média geral dos ensaios, cujas aplicações ocorreram por meio de drones, o regulador de crescimento da companhia, avaliado em períodos de sete dias após aplicado (7 DAA), 14 DAA, 22 DAA, 28 DAA e 35 DAA, respondeu pela obtenção de 130 kg a 145 kg de ATR, em diferentes condições de campo. “Sprint® 50 WG se sobressaiu frente aos produtos comparados”, ressalta ela. “Nos diferentes pontos da fronteira agrícola da cana, superou ou ficou praticamente no mesmo patamar dos demais insumos”, acrescenta.

De acordo com Carulina Oliveira, em outros cenários de análises, nos períodos de 28 DAA, 36 DAA e 42 DAA, a solução Sprint® 50 WG respondeu por ganhos de ATR de 11,5 kg, 17,7 kg e 22 kg, respectivamente, enquanto os demais reguladores de crescimento registraram entre 5,1 kg e 17,4 kg de ATR.

Segundo ela, consolidados, os dados gerais dos campos confirmam que o regulador de crescimento da companhia “traciona ganhos em açúcar por tonelada de cana, além de potencializar resultados financeiros de fornecedores da matéria-prima e de unidades produtoras de açúcar, etanol e energia”.

Gerenciamento da colheita

Carulina Oliveira salienta que a solução da companhia constitui um recurso de ponta à mão do produtor de cana-de-açúcar, para prover acúmulo de sacarose, ampliar a janela e otimizar o gerenciamento da colheita. Sprint® 50 WG pertence ao grupo das sulfonilureias e tem por ingrediente ativo o composto ortosulfamuron. “Usado em doses menores ante outros reguladores, logo no início da safra, a solução auxilia no aumento da capacidade de moagem, melhora o grau de pureza do caldo e evita a coloração indesejável do açúcar.”

Ainda de acordo com Carulina Oliveira, Sprint® 50 WG se mostra altamente seletivo à cana, não interfere na brotação de soqueira, não atinge à gema apical e evita florescimento e isoporização de plantas. “Age de maneira sistêmica, no interior da planta. Interrompe o crescimento vegetativo da cana e abre caminho ao aumento do teor de sacarose e à antecipação da colheita.”

Criada em 1979, a Sipcam Nichino resulta da união entre a italiana Sipcam, fundada em 1946, especialista em agroquímicos pós-patentes e a japonesa Nihon Nohyaku (Nichino). A Nichino tornou-se a primeira companhia de agroquímicos do Japão, em 1928, e desde sua chegada ao mercado atua centrada na inovação e no desenvolvimento de novas moléculas para proteção de cultivos. Divulgação

 

Veja Também

Créditos: Onurdongel l iStock

SIFAEG e FIEG promovem Conferência Transição Energética e Desenvolvimento

O SIFAEG, Sindicato da Indústria de Fabricação de Etanol de Goiás, em parceria com a …