Mário Campos é reeleito presidente da SIAMIG por mais três anos

Print Friendly, PDF & Email

O presidente da Associação da Indústria Sucroenergética de Minas Gerais (SIAMIG), do Sindicato da Indústria do Açúcar no Estado de Minas Gerais e do Sindicato da Indústria da Fabricação do Álcool no Estado de Minas Gerais, Mário Campos, foi reeleito nesta segunda-feira (06/02) para mais um triênio (2023/2026) à frente das entidades, em Assembleia Geral com os Associados, realizada em Belo Horizonte. O novo mandato começará a partir do mês de maio.

Em seu discurso, Mário Campos lembrou que entrou no setor no mesmo ano em que foi lançado o carro flex, que completará duas décadas em março de 2023. Além disso, agradeceu a confiança nele depositada e ressaltou, também, a importância de presidir uma entidade tão unida e parabenizou toda a equipe. “Com grande satisfação estou à frente da SIAMIG por mais três anos. Somos uma entidade forte e unida, porque damos voz a todas as empresas do segmento, no sentido de alinharmos os objetivos de interesse ao setor. Além de ter um acompanhamento de perto dessas ações e isso, faz com que a gente tenha legitimidade para alcançar esses objetivos”, destacou.

Mário Campos é economista formado pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), com MBA em Finanças pelo IBMEC e Relações Governamentais pela FGV de Brasília. Entrou na SIAMIG em 2003, depois assumiu a função de Superintendente, Secretário Executivo e atualmente exerce a presidência da SIAMIG e dos Sindicatos, representando os 35 associados, produtores de açúcar, etanol e bioeletricidade do estado de Minas.

Mário Campos também é presidente da Câmara Setorial da Cadeia Produtiva do Açúcar e do Álcool junto ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento; presidente do Fórum Nacional Sucroenergético (FNS) e presidente do Conselho Empresarial de Meio Ambiente e de Desenvolvimento Sustentável da Federação das Indústrias de Minas Gerais (Sistema FIEMG). ( Gerência de Comunicação SIAMIG)

Veja Também

Programa do Instituto Biológico e Fundepag investe R$ 3 milhões em pesquisa para controle biológico de praga da cana

Com foco no manejo biológico do bicudo da cana-de-açúcar, o Programa para Bioprodutos para Agricultura …