Home » Energia » Edealina (GO) recebe Cinesolar, projeto que utiliza energia renovável para exibição de filmes

Edealina (GO) recebe Cinesolar, projeto que utiliza energia renovável para exibição de filmes

Print Friendly, PDF & Email

Na próxima terça-feira, 20 de setembro, o Cinesolar, iniciativa brasileira de cinema itinerante que exibe filmes a partir da energia solar, estará em Edealina, no Sul de Goiás. O projeto, desenvolvido pela Brazucah Produções, através da Lei de Incentivo à Cultura, utiliza energia limpa e renovável para exibições de filmes, unindo arte, cinema e sustentabilidade. Tudo funciona a partir de uma van equipada com placas solares que possibilitam, por meio de um sistema conversor de energia solar para elétrica, a exibição de filmes e apresentações artísticas. São disponibilizafas cerca de 200 assentos para o público, telão com metragem de 200 polegadas, sistema de projeção e um EcoDJ.linda-cena-recente-de-evento-do-cinesolar-foto-com-estrelas-2

Durante a programação são ministradas oficinas de produção cinematográfica (os filmes produzidos são exibidos à
noite, junto com o longa-metragem e curtas). Todas as atividades são gratuitas e abertas ao público.  O projeto tem o patrocínio da Votorantim Cimentos.

O filme principal a ser exibido será “Tudo o que aprendemos juntos”, dirigido por Sérgio Machado, com Lázaro Ramos no papel de protagonista

 

Histórico

Desde 2013 na estrada, o Cinesolar contabiliza números positivos à cada sessão. Já foram realizadas mais de 200 sessões em centenas de cidades do Brasil, ultrapassando 40 mil espectadores. A economia de energia elétrica chega a 500 mil watts, equivalente a cerca de 900 horas de uma geladeira ligada sem interrupções.

linda-cena-da-van-do-cinesolar-na-estradaO Cinesolar é a primeira iniciativa de cinema itinerante que funciona com energia renovável, aliando a difusão cultural e meio ambiente. O projeto conta com o apoio do Solar World Cinema e da fundação Holandesa Doen, promotora da sustentabilidade, cultura e inovação social. O cinesolar conta com a parceria do Ecoar na compensação de Carbono – à cada sessão realizada pelo projeto uma árvore é plantada em uma zona de reflorestamento.

“O Brasil tem um incrível potencial em energias renováveis. E por que não se beneficiar no campo do entretenimento, das artes e da cultura? Nosso objetivo é, além de democratizar o acesso à produção audiovisual nacional, trabalhar com ações sustentáveis que multipliquem a conscientização ambiental e mostrem a força que a energia solar tem por aqui”, diz Cynthia Alario, idealizadora e coordenadora do projeto.

 

Oficinas   

Os filmes exibidos trabalham questões ligadas à sustentabilidade com foco nos eixos social, econômico e ambiental. Além das sessões, a iniciativa promove oficinas de cinema, música orgânica e ecografite para crianças e adolescentes. Essas atividades propõem a reciclagem de materiais para a confecção de instrumentos musicais e o preparo de pigmentos naturais, como argila e urucum, nas pinturas produzidas pelos participantes.

As oficinas de “vídeo de bolso” são para o público em geral. Na sequência, são exibidos filmes com a temática da sustentabilidade e os vídeos produzidos nas oficinas realizadas.

 

Programação do Cinesolar – Dia 20 de setembro – Praça da Matriz, em Edealina (GO)

13h às 17h – Oficinema (oficinas de vídeo de bolso”)

18h30 – Seleção de curtas-metragens infantis, com a temática da sustentabilidade e de alguns dos curtas produzidos durante as oficinas.

19h30 – Exibição do longa-metragem “Tudo o que aprendemos juntos”.