Udop

Congresso da UDOP se consagra como maior evento técnico do setor

Print Friendly, PDF & Email

Maior evento técnico do setor bioenergético do país, o 9º Congresso Nacional da Bioenergia foi um sucesso de público e qualidade das palestras e moderadores. Realizado nos dias 9 e 10 de novembro, em Araçatuba/SP, o evento reuniu cerca de 1,5 mil pessoas, entre congressistas, palestrantes e moderadores.

Para o Presidente executivo da UDOP, Antonio Cesar Salibe, o sucesso do Congresso com a presença de inúmeras usinas e empresas do setor, vindas de 15 estados, mostra o bom momento que vive o setor. “O número recorde de congressistas revela também a avidez dos profissionais por novas tecnologias e práticas que aumentem a produtividade com a redução dos custos, além da credibilidade da UDOP”, afirmou Salibe.

Os congressistas participaram de 12 salas temáticas das áreas Administrativa/Financeira; Agrícola; Comunicação; Controladoria, Planejamento e Custos; Direito do Agronegócio; Industrial; Mecanização; Mercado, Comercialização e Logística; Recursos Humanos; Saúde, Segurança e Meio Ambiente do Trabalho; Suprimentos e Tecnologia da Informação. Eles puderam se atualizar com os mais renomados palestrantes e moderadores do setor.

Além disso, eles também acompanharam um debate político na sala conjunta de Comunicação e Mercado, Comercialização e Logística com o tema: “Sem políticas de Estado, o setor é capaz de cumprir as metas da COP21?”. Sob a moderação do presidente do Fórum Nacional Sucroenergético, André Rocha, o debate contou com a presença do Governador em exercício do Estado de São Paulo, Márcio França e o Secretário de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, Arnaldo Jardim, além dos renomados debatedores: Amaury Eduardo Pekelman – Vice-Presidente de Relações Institucionais da Odebrecht Agroindustrial; Aurélio César Nogueira Amaral – Diretor da ANP; Celso Junqueira Franco – Presidente da UDOP; Eduardo Vasconcellos Romão – Presidente da Orplana; José Mauro Ferreira Coelho – Superintendente da Diretoria de Estudos do Petróleo, Gás e Biocombustíveis -EPE; Marcos Fava Neves – Professor Titular da FEA/USP-RP; Marina Carlini – Gerente de Desenvolvimento Sustentável – Raízen; Marlon Arraes, Coordenador Geral de Etanol do Departamento de Biocombustíveis do MME; Plínio Nastari – Presidente da Datagro; e Renato Cunha, presidente do Sindaçúcar/PE e vice-presidente do Fórum Nacional Sucroenergético.

Segundo o Presidente da UDOP, Celso Junqueira Franco, o Congresso já é consagrado como o maior evento técnico do setor e, agora, também tem se destacado nos debates políticos. “A vinda do governador do maior estado produtor de cana do Brasil, do secretário de Agricultura e os representantes do governo federal comprovam que o congresso também está fazendo um bom trabalho em promover as discussões políticas. Isso é muito importante porque o setor tem feito a parte dele, mas precisamos de políticas públicas que valorizem os nossos produtos”, explicou Franco.

“O nosso agradecimento a todos os palestrantes e moderadores que, nos dois dias do evento, compartilharam seus conhecimentos; aos congressistas que estiveram onde a inteligência do setor se reuniu; a todos os apoiadores que acreditaram e investiram para que a 9ª edição do congresso tivesse tanta qualidade e, é claro, a toda a equipe da UDOPque nos últimos cinco meses trabalhou com muita dedicação e carinho para realizar o evento. SOMOS TODOS UDOP”, concluiu Salibe.

Troféu “Medalha da Agroenergia”

Durante o jantar promovido aos participantes do 9º Congresso Nacional da Bioenergia, o Secretário de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, Deputado Arnaldo Jardim recebeu o troféu “Medalha da Agroenergia”, a maior honraria concedida pela UDOP às pessoas que de forma destacada contribuíram, com sua visão revolucionária, para o desenvolvimento do setor da bioenergia.

Ainda no jantar os diretores da UDOP homenagearam o ex-presidente da entidade, Luiz Guilherme Zancaner, que faleceu no último mês de junho, entregando a seus filhos, Bianca e Luiz Guilherme, uma placa de prata e um buquê de flores.

Sorteio

O colaborador da Raízen, de Valparaíso/SP, Émerson Eduardo dos Santos foi o ganhador do grande prêmio do Congresso: uma motocicleta zero quilômetro. Ao final do evento, também foram sorteadas 10 cafeteiras, um VANT doado pela empresa Tech 9 Inovações Tecnológicas, além dos prêmios sorteados pela Syngenta, : dois tablets, um hectare de mudas Plene irrigado com gotejadores Netafim e um implemento para controle da cigarrinha.

Apoio e realização

O 9º Congresso Nacional da Bioenergia foi realizado pela UniUDOP e promovido pela UDOP. O Congresso tem o apoio master do BNDES. Apoiaram este evento as empresas: Bayer CropScience, Beta Renewables, CaseIH, CTC, Deloitte, Doble TT do Brasil, Ensite, FMC, GE, Helamin, Netafim, Novozymes, Odebrecht Agroindustrial, Raízen, Syngenta, Valtra, Vignis.

O Congresso também contou com o apoio institucional da Abag, Alcopar/Sialpar/Siapar, Biosul, Fórum Nacional Sucroenergético, Orplana, Siamig, Sifaeg, Sindalcool/MT, Unica, e Unisalesiano.

Atuaram como mídias parceiras: Canal – Jornal da Bioenergia, CanaOnline, Revista Canavieiros, Jornal Paraná, Revista Opiniões, Revista RPA News e Revista Terra&Cia.

Confira toda as fotos do 9º Congresso Nacional da UDOP no Flickr (www.flickr.com/photos/udop). Nos próximos dias assista na TV UDOP a cobertura completa do evento.

 Agência UDOP de Notícias