Conferência Internacional DATAGRO destacará novos mercados para o açúcar e etanol

Print Friendly, PDF & Email

Com a atenção global voltada aos biocombustíveis, e em particular ao etanol brasileiro como alternativa energética estratégica para o cumprimento do Acordo de Paris, a tradicional Conferência Internacional DATAGRO sobre Açúcar e Etanol, realizada anualmente em São Paulo, dará continuidade em sua 23ª edição às discussões sobre o futuro do setor nos próximos dias 23 e 24 de outubro. Desde 2000, esta conferência tem sido o evento técnico de apoio ao Sugar & Ethanol Dinner Brasil, promovido pelo Sugar Club, e realizado esse ano em São Paulo na noite de 26 de outubro.

Mais de 60 especialistas, entre moderadores e palestrantes de vários países, se reunirão para abordar as questões mais imediatas do setor, dentre elas: perspectivas sobre as demandas trazidas por novos mercados, principalmente para o transporte aéreo e marítimo; qual o papel reservado aos biocombustíveis como carregadores de hidrogênio; rotas tecnológicas da crescente diversificação do uso da energia contida na biomassa; posicionamento frente à meta de Net-Zero Emissions, de zerar emissões de gases de efeito estufa até 2050; análise dos mercados brasileiro e global de açúcar e etanol, e muito mais.

“O etanol é moderno e competitivo. Está caminhando para uma pegada de carbono zero ou negativa, o que vai permitir que as montadoras atinjam o objetivo de emissão líquida zero ao compensarem as emissões geradas em outras etapas da produção, uso e descarte dos veículos. Isso se aplica também ao transporte aéreo e marítimo. Há grande interesse nessa área pois os biocombustíveis são excelentes carregadores de hidrogênio, e utilizam infraestrutura de distribuição já existente,” diz Plinio Nastari, presidente da DATAGRO.

Além do aproveitamento tecnológico do biocombustível, a programação de dois dias terá painéis dedicados a análises e perspectivas dos mercados brasileiro e global de açúcar e etanol para as safras 2023/24 e 2024/25; SAF – tecnologia e velocidade de implementação; Etanol como vetor para o transporte de hidrogênio; Expansão do uso do etanol no mundo; inovação no plantio – a semente de cana; Novas tecnologias de aproveitamento energético (captura de CO2 e organo-mineral); Novos padrões de produção agrícola sendo implementados na Europa; Revolução tecnológica no campo, através de insumos tradicionais e biológicos; e Financiamento a comercialização, de ponta a ponta.

A Conferência será híbrida, contando também com transmissão ao vivo. Inscrições para participação presencial e online estão disponíveis no site do evento.

Entre alguns nomes com presença confirmada estão: Geraldo Alckmin, Vice-Presidente da República e Ministro do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços; Arnaldo Jardim, Deputado Federal; Zé Vitor, Deputado Federal; Roberto Perosa, Secretário de Comércio e Relações Internacionais, Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA); Cid Jorge Caldas, Coordenador de Cana, Açúcar e Etanol, Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA); Luis de Mendonça, Presidente da ACELEN;  Mario Campos Filho, Presidente da Bioenergia Brasil; Evandro Gussi, Presidente, União da Indústria de Cana-de-Açúcar (UNICA); Renato Pontes Cunha, Presidente do Sindaçúcar-PE; Pedro Robério de Melo Nogueira, Presidente, Sindaçúcar-AL; André Rocha, Presidente do SIFAEG; Silvio Rangel, Presidente do Sindalcool-MT; Hugo Cagno Filho, Presidente, União Nacional da Bioenergia (UDOP); José Orive, Diretor Executivo da International Sugar Organization; Flavio Castellari, Diretor Executivo, APLA; Agustín Torroba, Especialista Internacional em Biocombustíveis e Energias Renováveis, IICA-OEA, Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura; Cesar Barros, Diretor Presidente, CTC; Prof. David Chiaramonti, Professor Titular em Tecnologias de Conversão de Bioenergia, Politecnico di Torino; Eduardo Leão de Souza, Presidente da CropLife; Luiz Cortez, Vice-Reitor Executivo de Relações Internacionais da UNICAMP; Dr. Fred Zeller, CEO, SZVG (Acionista Majoritário, Suedzucker); Marie Christine Ribera, Diretora Geral, Associação Europeia de Fabricantes de Açúcar (CEFS); Thierry Songeur, Gerente Geral, Groupe Sucres & Denrées (Sucden); Bruno Trombelli, Diretor Comercial, Raízen; Bruno Serapião, Presidente e CEO, ATVOS; José Magalhães Fernandes, Presidente da Honeywell;  João Irineu Medeiros, Vice-Presidente de Assuntos Regulatórios, Stellantis; Roberto Braun, Diretor de Assuntos Governamentais e Regulatórios, Toyota do Brasil; Julio Meneghini, Diretor Cientifico do RCGI-USP; e Plinio Nastari, Presidente, DATAGRO.

Serviço:

23ª Conferência Internacional DATAGRO Sobre Açúcar e Etanol

 

Formato: Híbrido

 

Local: Hotel Grand Hyatt (Avenida das Nações Unidas, 13301 – Itaim Bibi – São Paulo – SP – 04578-000)

 

Data: 23 e 24 de outubro de 2023

 

Horário:
Dia 23/10 – das 08h00 às 19h30

Dia 24/10 – das 08h30 às 18h00

 

Programação e inscrição: https://www.datagroconferences.com/eventos/conferencia-internacional-datagro/

 

 

Veja Também

Maturador mostra resultados robustos com aplicação por drone em áreas de cana-de-açúcar de GO e SP

Ensaios técnicos em seis áreas de cana-de-açúcar, dos estados de Goiás e São Paulo, apontaram …