Comitê RenovaBio avalia propostas para revisão de metas do programa

Print Friendly, PDF & Email

Na última sexta-feira (22), ocorreu, sob a coordenação do secretário de petróleo, gás natural e biocombustíveis do Ministério de Minas e Energia (MME), José Mauro Coelho, a primeira reunião ordinária do Comitê RenovaBio em 2020.

Na reunião, o comitê avaliou propostas de revisão das metas da Política Nacional de Biocombustíveis (RenovaBio) estabelecidas para o ano de 2020 e, também, propostas de definição das metas para o decênio 2021-2030. Os tópicos foram motivados pelos impactos da pandemia de covid-19 sobre o setor de combustíveis.

Segundo comunicado do MME, as metas avaliadas no âmbito do Comitê RenovaBio serão levadas à consulta pública e, posteriormente, para uma deliberação do Conselho Nacional de Política Energética (CNPE).

O ministério explica que o Comitê RenovaBio é a instância de governança do RenovaBio, sendo responsável pelo monitoramento do mercado e pela recomendação anual das metas de descarbonização para a matriz de combustíveis.

O Comitê RenovaBio é coordenado pelo MME, tendo como membros o Ministério do Meio Ambiente (MMA), Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Ministério da Economia, Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), Ministério da Infraestrutura (Minfra), além da Casa Civil da Presidência da República. Participam ainda, como convidados permanentes, o Ministério das Relações Exteriores (MRE), a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) e a Empresa de Pesquisa Energética (EPE). MME

Veja Também

ANP publica metas preliminares de redução de emissões de gases causadores de efeito estufa para 2024

AANP torna públicas as metas preliminares para 2024 de redução de emissão de gases causadores do efeito estufa aplicáveis a …