Biogás: projetos viram realidade

Print Friendly, PDF & Email

O ano de 2016 foi positivo para o segmento de biogás e biometano no Brasil. Afinal, vários projetos começaram a virar realidade. Um exemplo foi o  projeto em larga escala de biogás da Geoenergética em consórcio com a Raisen, que venceu um leilão A-5 de energia, que negociou 20,8 (MW). Segundo Cícero Bley Jr., presidente da Associação Nacional de Biogás e Biometano (ABiogás) foi a primeira inserção do insumo em um leilão de energia do governo federal e um importante passo para ajudar na disponibilidade de capacidade de geração de energia no país. “Esse é um dos passos para consolidação de uma política nacional consistente que contemple o biogás e o biometano como fonte de energia renovável dentro da matriz energética”, afirma.

Além desse projeto de biogás, outro na área de resíduos sólidos, entrou em operação. Trata-se da maior termelétrica movida a biometano. É a Termoverde Caieiras, localizada em São Paulo e que tem potência instalada de 29,5 megawatts (MW).  Outro ponto positivo para o setor em 2016 foi  a primeira frota com mais de 50 carros abastecida com biometano em Foz do Iguaçu (PR).

Canal-Jornal da Bioenergia

Veja Também

ANP publica metas preliminares de redução de emissões de gases causadores de efeito estufa para 2024

AANP torna públicas as metas preliminares para 2024 de redução de emissão de gases causadores do efeito estufa aplicáveis a …