ABiogás realizará a segunda edição do Circuito Biogás nos Estados

Print Friendly, PDF & Email

Evento discutirá o as oportunidades para o biogás e o biometano no Estado de Minas Gerais, em Belo Horizonte (MG), no dia 28 de maio

A Associação Brasileira do Biogás (ABiogás) realiza o Circuito Biogás nos Estados – Minas Gerais, uma iniciativa que tem como objetivo explorar as particularidades e oportunidades do biogás e do biometano em cada Estado e maximizar o aproveitamento de todo o seu potencial. A primeira edição realizada em Curitiba (PR), reuniu 220 participantes, 20 painelistas e 8 autoridades.

“A ideia do Circuito Biogás nos Estados é focar no debate regional, permeando os atributos e vocação produtiva de cada unidade federativa. Minas Gerais é o maior produtor de biogás do país e tem potencial para crescer muito mais, motivo pelo qual será um dos primeiros estados a ser prestigiado com o evento. Além disso, Belo Horizonte está sediando uma reunião do G20, que tratará de biocombustíveis”, explica a presidente executiva da ABiogás, Renata Isfer.

A segunda edição, que será realizada no dia 28 de maio, em Belo Horizonte, Minas Gerais, tem a correalização da Associação das Indústrias Sucroenergéticas de Minas Gerais – SIAMIG Bioenergia e conta com o apoio da Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (FIEMG). A iniciativa terá a participação das principais autoridades do setor, como a assessora na Secretaria Nacional de Petróleo, Gás e Biocombustíveis (SNPGB), no Ministério de Minas e Energia (MME), Laís Thomaz, a Diretora de Petróleo, Gás e Biocombustíveis da EPE, Heloísa Borges, a Secretária de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, Marília Carvalho de Melo, e do Presidente da SIAMIG Bioenergia, Mário Campos. No encerramento será realizado o Biogás Connect, um coquetel de networking, trazendo uma oportunidade para os participantes estabelecerem conexões com especialistas e líderes do setor. O evento terá dois painéis. O primeiro vai debater o biogás e o biometano no cenário internacional, inclusive as discussões do e o segundo tratará das perspectivas para Minas Gerais. As inscrições estão abertas, com ingressos limitados. O evento chegará ao Rio de Janeiro com correalização do Governo do Estado, através da Secretaria de Energia e Economia do Mar – Seenemar e da FGV Energia.

G20 | TRANSIÇÃO ENERGÉTICA

No período de 27 a 29 de maio será realizada, na cidade de Belo Horizonte (MG), a 3° reunião do Grupo de Trabalho do G20, coordenado pelo Ministério de Minas Energia, para tratar da pauta de transição energética. O encontro será marcado pela presença de representantes das maiores economias mundiais, além de países convidados, para debater pautas relacionadas à transição energética justa e inclusiva, ao acesso a financiamento da transição energética e às perspectivas inovadoras sobre combustíveis sustentáveis. Com isso, a realização do evento Circuito Biogás nos Estados tem como objetivo discutir a importância da bioenergia, com destaque para o biogás e o biometano, e o elevado potencial brasileiro desses energéticos na pauta de transição mundial.

Biogás e biometano em Minas Gerais

Estado como fonte energética – Minas Gerais se destaca como o estado com maior número de plantas de biogás no Brasil, com 274 plantas em operação. Em se tratando do biometano, o estado possui uma planta em operação e, de acordo com o levantamento realizado pela Abiogás, mais quatro novas plantas serão construídas nos próximos anos, resultando em mais de R$ 3 bilhões em investimentos.

Considerando toda sua capacidade energética, o estado mineiro tem potencial de produção de até 36 milhões de m3/dia.

Em termos de volume de biogás para fins energéticos, foi constatado que o estado de São Paulo (1,01 bilhão Nm³/ano) concentra 35% da produção de biogás no Brasil. Os estados do Rio de Janeiro (389,5 milhões Nm³/ano) e Minas Gerais (312,7 milhões Nm³/ano) ocupam a segunda e a terceira posição, respectivamente. Isso se deve à presença de grandes plantas de biogás no setor do saneamento, principalmente em aterros sanitários no Rio de Janeiro e ao alto número de plantas instaladas no setor agropecuário em Minas Gerais. A região Sudeste concentra 42% das plantas do setor agropecuário, com destaque para o Estado de Minas Gerais, o qual detém 37% das plantas em operação no setor. Os dados são do CIBiogás (CIbiogás, Panorama do Biogás no Brasil 2022).

Legislação

O Estado possui uma política estadual do biogás e do biometano, que regula a comercialização e a distribuição do insumo. A Resolução nº 34/2023, da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sede), que trata da comercialização e distribuição de biometano por redes estruturantes e rede de gás canalizado. O texto engloba uma série de critérios e situações, dispostos em 11 capítulos, que englobam objetivos, regulação, definições, características do biometano, contrato de compra e venda, suprimento e fornecimento, expansão da rede, mercado livre e outros.

Analista de mercado de energia e secretário-executivo da Câmara de Energia, Petróleo e Gás da FIEMG, Sérgio Pataca, salienta que a FIEMG está colaborando com a Sede para a publicação de um decreto de biogás e biometano que, em conjunto com a resolução 34/2023 e a lei estadual 24.396/2023, vai garantir a regulamentação necessária do tema. Dessa maneira, observa Pataca, “haverá mais segurança ao mercado e incentivos cruciais para impulsionar o crescimento exponencial do biogás e do biometano na economia mineira”.

Serviço – Circuito Biogás nos Estados – Minas Gerais

Data: 28 de maio (terça-feira)

Horário: 14h a 19h

Local: FIEMG – Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais

Endereço: Avenida do Contorno, 4520, Funcionários, Belo Horizonte – MG

InscriçõesValor: R$ 380 (Assessoria de imprensa)

 

 

 

 

Veja Também

A produção do biodiesel produz efeitos econômicos, pois contribui para a geração de empregos no campo Foto: Manu Dias/Secom via Flickr – CC

Aumento do biodiesel na composição do óleo diesel gera discussões

Pedro Luiz Côrtes explica que o combustível renovável é mais benéfico ao meio ambiente, mas …