WIN Solar registra crescimento de 108% no faturamento e investe 200 megawatts em equipamentos até o fim do ano

Print Friendly, PDF & Email

Aumento nas vendas de equipamentos solares da empresa foi impulsionado pela corrida dos consumidores para garantir isenção prevista em nova lei  

Os negócios com a comercialização dos chamados kits solares para telhados e residências e empresas estão em alta no País por conta do período de transição previsto na Lei 14300/2022, publicada no início deste ano e que garante até 2045 a manutenção das regras atuais aos consumidores que instalarem um sistema solar até janeiro de 2023.

Um dos exemplos desse aquecimento no mercado pode ser verificado nos resultados do primeiro semestre da WIN Solar, distribuidora de equipamentos fotovoltaicos pertencente ao Grupo All Nations, que registrou crescimento de 108% no faturamento em comparação com o mesmo período do ano anterior. A empresa acaba de ampliar o estoque em mais 200 megawatts em kits solares para atender os pedidos até o final do ano.

O crescimento dos negócios na empresa tem sido consistente desde a publicação do marco legal em janeiro, tendo em maio o pico de pedidos na distribuidora, com aumento de 166% em comparação com o mesmo mês de 2021. Em junho, a curva crescente seguiu o mesmo patamar, com aumento de 148%.

A empresa espera triplicar o volume de vendas até o final do ano em comparação com o resultado de 2021. “A geração própria de energia solar seguirá crescendo a passos largos e deverá praticamente dobrar sua potência operacional instalada este ano”, comenta Camila Nascimento, diretora comercial da WIN Solar.

 

Veja Também

Usinas CRV Industrial e Rubi S.A atualizam a certificação Kosher

Auditoria inspecionou todo o processo de produção e os insumos utilizados na fabricação de açúcar …