Portal Solar completa dez anos e ultrapassa 20 mil sistemas solares vendidos em residências e empresas no País

Print Friendly, PDF & Email

Empresa conta com mais de 200 unidades no País e recebe, por mês, cerca de 1,5 mil candidatos a franqueados

A franqueadora Portal Solar completa em março dez anos de atuação no mercado de energia solar com um recorde de cerca de 20 mil sistemas vendidos em telhados de residências e empresas e cerca de 200 unidades de franquia espalhadas por todas as regiões brasileiros, com a lucratividade passando de R$ 500 mil por ano.

Em razão da comemoração dos dez anos do Portal Solar, que nasceu praticamente junto com o próprio mercado fotovoltaico no País, as unidades de franquia passam a oferecer aos novos consumidores um desconto de até 20% e condições promocionais em kits de energia solar selecionados. Até o dia 31 de março deste ano, os consumidores que adquirirem o sistema solar nas franquias da empresa para suas casas ainda ganham de brinde um kit da WEG de gestão e automação do consumo de energia elétrica.

Com cerca de 500 mil visitas por mês na plataforma da empresa, sobretudo de consumidores que buscam instalar energia solar e de profissionais que querem empreender na área, o Portal Solar recebe uma média de 700 candidatos a franqueados por mês na plataforma, de todas as regiões, o que tem conferido grande capilaridade das franquias no território brasileiro.

Um dos fatores da grande quantidade de instalações e da expansão das franquias é o modelo home-based e a ausência de experiência prévia no setor de energia solar. O franqueado recebe treinamento teórico e prático, trilha de conhecimento, enxoval que contém EPIs, uniformes, um drone e material de marketing. A franqueadora é responsável pela criação dos projetos e das homologações regulatórias necessárias do sistema junto à concessionária, sem custos ou responsabilidades para o franqueado.

Também é oferecido todo o suporte do time comercial da sede, incluindo um gerente e um engenheiro designados para cada franqueado, que acompanham e dão apoio constante nas visitas técnicas.

O Portal Solar ainda presta consultoria comercial, de marketing, jurídica e de engenharia, no intuito de garantir maior eficiência das unidades, bem como possui fornecedores de equipamentos homologados, com as melhores marcas e modelos para oferecer aos clientes.

“Com o sucesso do modelo de negócios e a presença digital relevante, projetamos, para os cinco próximos anos, dobrar de tamanho, tanto em termos de unidades de franquias quanto de sistemas solares instalados em residências e empresas no País”, comenta Rodolfo Meyer, CEO do Portal Solar

Dados da franquia

A taxa de franquia é de R$ 5 mil, com previsão de cada unidade atingir um faturamento médio mensal da ordem R$ 150 mil já nos primeiros 180 dias de operação. E o tempo de retorno do investimento varia entre 4 e 8 meses. A lucratividade do franqueado pode superar R$ 500 mil por ano.

Além de uma semana de treinamento com a franqueadora, o Portal Solar também disponibiliza aos franqueados um totem de vendas e todo o material comercial que as unidades precisam. O enxoval completo para o franqueado tem um custo inicial de R$ 15 mil.

Portanto, o valor total do investimento inicial do franqueado é de R$ 20 mil. Já os royalties, que variam conforme o tamanho do sistema solar vendido, a quantidade de vendas no mês e a forma de pagamento adotada, pode ser pago em até 90 dias.

Ficha técnica da Franquia do Portal Solar

-Investimento inicial total estimado: R$ 20 mil (taxa de franquia R$ 5 mil + R$ 15 mil de enxoval)

– Volume de vendas médio mensal: em torno de R$ 150 mil em cada unidade

– Prazo de retorno: entre 4 a 8 meses de retorno do investimento
– Royalties/mês: 5%

– Taxa de publicidade: 3%

– Lucratividade: de R$ 15 mil a R$ 80 mil por mês

– Número de unidades em operação: cerca de 200 unidades em todas as regiões do Brasil, todas de franqueados

 Trajetória do Portal Solar

O conceito inicial do Portal Solar, de ser uma plataforma de educação, nasceu com o objetivo de educar o mercado brasileiro sobre a tecnologia e suas vantagens ambientais e econômicas. Assim, em 2014, o site da empresa é lançado oficialmente no Brasil, como a primeira startup nesta área. E já se torna o principal guia educador de energia fotovoltaica no País.

O passo seguinte é a criação do projeto de Empresas Verificadas, que, em dois anos, certificou mais de três mil empresas de energia solar, num total de 70 mil projetos validados.

Com o amadurecimento do modelo de negócio, o Portal Solar cria, em 2016, o primeiro marketplace de equipamentos fotovoltaicos no Brasil. Neste ponto, ocorre um divisor de águas no mercado brasileiro, pois a empresa torna-se um dos principais canais de promoção dos grandes distribuidores no País, como WEG, Aldo Solar e Renovigi, por exemplo.

Com tal transformação no modelo de negócio, o Portal Solar ajuda a construir o a primeira linha de financiamento bancário totalmente dedicada a projetos fotovoltaicos e inicia a parceria com o Banco BV, que recebe todo o conhecimento técnico do Portal Solar. Ambos lançam um projeto piloto desse programa de crédito, que se tornaria, mais tarde, a consagrada plataforma Meu Financiamento Solar, a fintech mais relevante no setor atualmente, acumulando mais de R$ 80 bilhões em simulações de financiamento. Hoje, a carteira de crédito de energia solar do Banco BV, que se tornou líder no segmento com essa parceria, acumula aproximadamente R$ 5 bilhões.

Em paralelo, o Portal Solar lança, em 2021, um modelo inovador de franquia de venda e instalação de energia solar e, hoje, conta com mais de 20 mil sistemas fotovoltaicos vendidos e mais de 200 franqueados em operação no País. Atualmente, a empresa recebe em média mais de 700 candidatos a franquia por mês. (Assessoria)

 

Veja Também

André Rocha assume Presidência da Fieg

André Rocha, Presidente-Executivo do Sifaeg e do Sifaçúcar, assumiu hoje (05) a presidência da Federação …