Grupo Gera entrega usina de biogás em aterro sanitário para abastecer operações da Vivo

Print Friendly, PDF & Email

Instalada em Caruaru (PE), complexo vai produzir aproximadamente 18.834 MWh ao ano para atender mais de 1,1 mil unidades da operadora de telecomunicações

O Grupo Gera, empresa nacional que atua com comercialização e geração de energia renovável no Brasil, em parceria com a EMPESA, empresa de engenharia sanitária com foco em prover soluções para o correto tratamento de resíduos sólidos, acaba de entregar uma usina de biogás, construída no aterro sanitário do município de Caruaru, Pernambuco, para abastecer cerca de 1,1 mil unidades consumidoras da  empresa Vivo, líder em telecomunicações no País, localizadas no estado, como lojas, sites e antenas.

A inauguração do empreendimento energético faz parte do compromisso de desenvolvimento sustentável da Vivo, a partir das melhores práticas Ambientais, Sociais e de Governança (ESG). A usina, com capacidade de produção de 18.834 MWh/ano, é o primeiro complexo de geração de energia com a fonte do biogás implementado pela operadora na região Nordeste.

Construído e operado pelo Grupo Gera e pela EMPESA, o complexo termelétrico faz conversão da energia química do gás proveniente do aterro sanitário em energia mecânica, por meio de um processo controlado de combustão. Essa fonte ativa um gerador que produz energia elétrica, que é injetada na rede da concessionária local, neste caso, a Companhia Energética de Pernambuco (CELPE), concessionária do grupo Neoenergia.

O plano de sustentabilidade da Vivo prevê também a construção de mais de 70 usinas de fontes renováveis em todo o País, operando a partir de tecnologias solares, hídricas e de biogás. O projeto de geração distribuída da empresa responderá por mais de 80% do seu consumo em baixa tensão, atendendo mais de 28 mil unidades da operadora. A meta é produzir cerca de 670 mil MWh/ano de energia, o suficiente para abastecer todo o consumo de uma cidade de até 300 mil habitantes.

“Nossa parceria com a Vivo envolve um total de 18 usinas de energia para abastecer as lojas da operadora no território nacional com energia limpa e sustentável”, comenta Guilherme Bahiana, diretor do Grupo Gera.

O Grupo Gera, por sua vez, possui planos de implantar uma série de outras usinas de diferentes fontes, entre elas solar, biogás e hidráulica remotas para atender grandes consumidores de energia elétrica no País, num total de mais de 15 empreendimentos previstos para este ano.

Além disso a empresa oferece serviço de assinatura de energia para consumidores menores nos estados do Rio de Janeiro, São Paulo, Mato Grosso e Minas Gerais. Em cada região, serão instaladas novas usinas solares especificamente para atender residências, comércios e indústrias locais que buscam redução de custo, aumento de competitividade e mais sustentabilidade. (Assessoria de imprensa)