Etanol ganha competitividade em Estados do Norte e Nordeste

Print Friendly, PDF & Email

O etanol hidratado, que abastece diretamente os tanques dos carros, está ganhando competitividade em relação à gasolina em alguns Estados do Norte e Nordeste e vem mantendo sua vantagem em vários Estados do Centro-Sul, onde as usinas de cana vêm prolongando a moagem além do esperado e as de etanol de milho seguem avançando em produção.

Na semana encerrada no dia 9 de dezembro, o biocombustível tornou-se mais vantajoso do que a gasolina no Amazonas e na Paraíba, além de ter mantido a vantagem na Bahia, onde já tinha ganhado competitividade três semanas antes.

No restante do Brasil, o etanol vem registrando, desde meados da safra, vantagem em relação ao derivado fóssil em sete unidades federativas: Distrito Federal, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Paraná e São Paulo.

A comparação é feita com base nos dados do levantamento semanal de preços da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP). Nos postos do Amazonas, o litro do etanol caiu 1,3% na última semana, a R$ 4,55, o equivalente a 69,8% do preço da gasolina. Na leitura da semana anterior, encerrada dia 2, essa relação estava em 70,7%. Na Paraíba, a relação entre o litro do etanol e da gasolina saiu de 70,8% na semana anterior para 69,7% na última leitura.

A vantagem do etanol é medida quando seu preço fica abaixo de 70% do valor da gasolina, relação que é válida para a média da frota flex brasileira e é considerada a “paridade técnica” entre os combustíveis fóssil e renovável. Mas, para veículos mais novos, o etanol oferece vantagem mesmo em relações mais apertadas, de até 75%.

Se forem considerados os Estados onde a relação entre os preços do etanol e da gasolina estavam entre 70% e 75%, o biocombustível vem se mostrando competitivo também em outros Estados das regiões Norte e Nordeste, como Acre, Alagoas, Pernambuco, Piauí e Tocantins. Dentre os Estados do Centro-Sul, os preços do etanol também vêm se mantendo atrativos no Espírito Santo e no Rio de Janeiro.

No Acre, por exemplo, os preços do etanol até tiveram ligeira alta na semana passada e ficaram em R$ 4,77 o litro, mas a relação ante o preço da gasolina ficou em 70,5% – bem próximo da paridade técnica. Globo Rural

Veja Também

Cotações do etanol diminui mesmo com demanda em alta

Muitas usinas produtoras de etanol formam estoques durante o período de moagem da cana-de-açúcar e …