Energia solar gera R$ 4 milhões de economia por ano para grupo varejista

Print Friendly, PDF & Email

A Domínio Solar, empresa integradora de soluções em energia solar, finalizou em 2020 duas usinas de solo para o Grupo Gazin, que investiu R$ 16 milhões nos projetos. Mais de 60% das 296 lojas da rede varejista serão abastecidas com energia solar, o que vai gerar uma economia de R$ 4 milhões em contas de luz por ano.

O projeto da Gazin, denominado “O Sol nasce para todos”, começou em 2016 com a instalação de módulos solares na matriz e diversas filiais do grupo. Devido aos resultados alcançados, a Domínio Solar também projetou e executou a instalação de duas usinas solares de solo, uma em Nova Alvorada do Sul (MS) e uma em Jaciara (MT) – com capacidade de 5,8 milhões de kWh, alcançando o abastecimento de 168 lojas do grupo.

Segundo o CEO da Domínio Solar, César Augusto, a quantidade de energia gerada pelo grupo equivale ao consumo de quase 43.500 residências, o que vai ajudar a suprir a necessidade de energia das comunidades do seu entorno, que sofrem com oscilações constantes no fornecimento de energia elétrica. “Quando uma empresa deste porte investe em geração própria, acaba reduzindo a dependência em hidrelétricas e termelétricas e, ainda, facilita o fornecimento de energia para a região”.

Durante um ano, a geração de energia do grupo será equivalente ao plantio de 3 mil árvores e vai evitar que aproximadamente 1.500 toneladas de CO2 sejam emitidas na atmosfera.
Além da sustentabilidade e da economia com os gastos em energia, o objetivo é estar preparado para que a empresa não seja surpreendida com aumentos de energia e bandeiras tarifárias, o que contribui para um planejamento mais assertivo nos custos de energia.

Segundo o presidente do Grupo Gazin, Osmar Della Valentina, a inovação e a qualidade estão no DNA da empresa, que constantemente busca por soluções que unam sustentabilidade e economia. “Sempre tivemos como premissa fazer o melhor para os nossos clientes, colaboradores, o planeta e as pessoas que vivem nele”.

Além da economia gerada pelas usinas, os módulos solares instalados em algumas unidades também refletem uma grande redução de custos da empresa, que viu a energia solar como uma oportunidade de melhorar seus serviços, aumentando o bem estar dos clientes, com a instalação de ar-condicionado nas lojas, mas sem gastar mais por isso. “Uma loja de 500m², por exemplo, que tinha um gasto mensal de energia elétrica entre 1,5 mil e 2 mil reais, ao ser climatizada com ar-condicionado tinha esta conta elevada para 7 a 8 mil reais”, exemplificou Valentina.

Segundo Cesar Augusto, com a geração de energia solar nos espaços dos telhados das lojas, a conta reduziu para cerca de R$ 200,00. “Você investe e o Sol paga a conta”, disse.

A Domínio Solar é responsável por todos os projetos de engenharia, assessoria na escolha das áreas e dos equipamentos, além do desenvolvimento do local de implantação, instalação, homologação nas concessionárias de energia e pós-vendas (monitoramento, limpeza e manutenção) . Divulgação