Man worker in the firld by the solar panels

Cuidados na hora de fazer instalações fotovoltaicas

Print Friendly, PDF & Email

A energia solar está cada vez mais fazendo parte da realidade da população brasileira. O sistema de eletricidade que utiliza painéis solares para a captação da luz do sol traz diversos benefícios, mas a instalação exige cuidados para que não ocorram problemas e ineficiência no processo de produção de eletricidade. A instalação de um sistema para minigeração de energia solar exige cuidados que vão desde a regularização das normas de segurança até o preparo adequado de quem for realizar a instalação.

A segurança em instalações fotovoltaicas é um aspecto importante na hora de validar um novo projeto de energia solar. Vários fatores influenciam na segurança, incluindo a escolha dos equipamentos. A qualidade e as especificações dos equipamentos podem impactar na instalação e manutenção. Aqui estão algumas considerações essenciais como o cumprimento de normas como a NBR 16384 que fornece recomendações para instalações elétricas. Além disso, as regras da NR-10 se aplicam desde o projeto até a operação e manutenção das instalações elétricas.
Quanto maior o projeto, maiores são os riscos. Portanto, é crucial investir em equipamentos robustos que ofereçam maior resistência. Além dos bons equipamentos, é fundamental contar com profissionais qualificados e experientes em instalações fotovoltaicas. Eles devem estar aptos a lidar com projetos elétricos e ter experiência na instalação de sistemas fotovoltaicos. Seguir as boas práticas é essencial para garantir a segurança. Isso inclui desde o dimensionamento do sistema até a inspeção técnica, análise do sombreamento, posicionamento correto dos painéis solares e aquisição de uma string box para garantir a segurança durante todo o processo de geração de energia. A duração de uma instalação de sistema fotovoltaico pode variar dependendo de vários fatores, como o tamanho do projeto, a complexidade da instalação e a disponibilidade de recursos. Aqui estão algumas considerações:

*Tamanho do sistema: Projetos maiores geralmente levam mais tempo para serem instalados. Um sistema residencial pequeno pode levar de 1 a 3 dias, enquanto um sistema comercial ou industrial maior pode levar algumas semanas.
*Equipe e experiência: A equipe de instalação desempenha um papel crucial. Uma equipe experiente e bem treinada pode concluir a instalação de forma mais eficiente. Além disso, a disponibilidade da equipe também afeta o cronograma.
*Permissões e inspeções: O processo de obtenção de permissões e agendamento de inspeções pode adicionar tempo ao projeto. Isso inclui aprovações da concessionária de energia, prefeitura e outras autoridades.
*Condições climáticas: O clima pode afetar o cronograma. Instalações em épocas chuvosas ou com condições climáticas adversas podem levar mais tempo.
*Personalização e integração: Se o sistema fotovoltaico for altamente personalizado ou integrado a outras tecnologias (como sistemas de armazenamento de energia), o tempo de instalação pode ser maior.
Em resumo, uma instalação típica de sistema fotovoltaico pode variar de alguns dias a algumas semanas. É importante trabalhar com profissionais qualificados e seguir as melhores práticas para garantir uma instalação segura e eficiente.

Canal-Jornal da Bioenergia com dados da Associação Brasileira de Normas Técnicas e Intelbras

Veja Também

Agricultor familiar que usa painéis solares terá desconto na conta de luz

Medida foi aprovada pelo Senado com o objetivo de estimular fontes limpas de energia Famílias …