Home » Usinas » Perdas na indústria impactam resultados nas usinas

Perdas na indústria impactam resultados nas usinas

Print Friendly, PDF & Email

As perdas na área industrial têm impactado de forma contundente o resultado de muitas usinas e destilarias. Saber mensurar estas perdas e discutir ainda alternativas para a minimização de seus impactos, são algumas alternativas que se mostram eficazes para melhorar o rendimento das unidades, aumentando assim a competitividade do setor, cujas margens se mostram bastante apertadas.

Visando trazer aos participantes da área industrial subsídios importantes para o diagnóstico das perdas e opções de como reverter este quadro, a sala Industrial do 8º Congresso Nacional da Bioenergia trará aos presentes palestras e discussões que serão importantes para a aplicação no dia a dia das unidades. O Congresso acontece nos dias 11 e 12 de novembro, em Araçatuba/SP, e deve reunir grandes profissionais do setor.

O diretor executivo de produção do Grupo Raízen, Antônio Alberto Stuchi será o moderador de dois painéis específicos sobre açúcar. Uma das palestras desta sala temática será do diretor presidente da STAB, José Paulo Stupiello e da professora da FCAV/Unesp, Márcia Mutton, que discutirão em momentos diferentes, o tema “Qualidade da matéria-prima e consequências nos processamentos: áreas de vinhaça e remoção de impurezas no processamento do açúcar”.

A “Operação dos equipamentos de preparo e moagem de cana”, será o tema da palestra do consultor da Delfini Consultoria e Projetos Industriais, Paulo Delfini. Depois, será a vez do consultor da Ericson Marino Consultoria, Ericson Marino, apresentar o tema “Fabricação de açúcar, problemas atuais e soluções”.

No segundo dia do evento, o químico industrial, Adalberto Voltarelli discute o tema “Metodologia de amostragem e analítica da fabricação do açúcar e do álcool X Perdas indetermináveis”. Na sequência, o sócio-diretor da Helamin, Christian Arthur Hanssen apresentará o tema “Aminas filmadoras (FFA), impacto em caldeiras (estrutura metálica da superfície evaporadora); Diagnósticos de instituições internacionais (EPRI, VGB)”.

Ainda nesta sala haverá uma apresentação sobre “A importância do reuso de água dos processos industriais” e a “Evaporação de caldo – Conceitos e estado da arte”, apresentados pelo gerente industrial da Odebrecht Polo São Paulo, Cristiano Azeredo e pelo diretor da P.A.Sys Engenharia, Pedro Eduardo Pinho de Assis, respectivamente.

Confira a programação completa desta sala temática clicando aqui. O conteúdo das demais salas temáticas podem ser lidos clicando aqui.

Para se inscrever no Congresso Nacional da Bioenergia, clique aqui. Dúvidas ou mais informações nos contatos (18) 2103-0528 ou pelo e-mail uniudop@udop.com.br. Usinas associadas à UDOP terão direito a 17 inscrições isentas cada.

Realização e apoio

O 8º Congresso Nacional da Bioenergia é realizado pela UDOP e pela STAB – Sociedade dos Técnicos Açucareiros e Alcooleiros do Brasil, com promoção da UniUDOP – Universidade Corporativa da UDOP. O Congresso tem ainda o apoio institucional daAlcopar, BioSul, Orplana, Siamig, Sifaeg, Sindalcool/MT, Fórum Nacional Sucroenergético e Unisalesiano.

O evento tem o apoio cultural das empresas: Bayer CropScience, Beta Renewables,Case IH, CTC, Deloitte, DuPont, Fácil System, FMC, GE, Global, Helamin, NexSteppe,Odebrecht, Raízen, São Francisco Saúde, Syngenta, Valtra e Vígnis.

Como mídia parceira atuam os órgãos de imprensa: CanaOnline, Canal – Jornal da Bioenergia, Revista Canavieiros, Revista Stab, Revista Terra & Cia, Revista Biomassa BR, Revista Amazônia e Editora Gazeta.

Serviço:

8º Congresso Nacional da Bioenergia
Data: 11 e 12 de novembro
Local: Centro Universitário Católico Salesiano Auxilium – UniSalesiano
Rod. Senador Teotônio Vilela, 3.821, km 8,5 – Jardim Alvorada – Araçatuba/SP
Inscrições: no portal UDOP (www.udop.com.br) ou clicando aqui
Mais informações: (18) 2103-0528 ou uniudop@udop.com.br

 Agência UDOP de Notícias