Home » Energia » Goiás vai investir em energia solar

Goiás vai investir em energia solar

Print Friendly, PDF & Email

A extensão da produção de energia solar no Estado de Goiás foi anunciada como nova meta de gestão. A novidade foi divulgada na quarta e última reunião do ano do Fórum Nacional de Secretários Estaduais de Minas e Energia, realizada no dia 1º de dezembro em Goiânia.

De acordo com o governador do Estado, Marconi Perilo, os projetos voltados para a captação de energia, a partir de fontes renováveis já estão em estudos pela empresa Jalles Machado, em Goianésia, que tem experiências com o desenvolvimento de tecnologias no setor.

Um dos palestrantes do evento, o diretor executivo da Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (Absolar), Rodrigo Sauaia, destacou o potencial da modalidade em Goiás. Para o ele, a produção de energia captando a radiação do sol por meio de placas instaladas em telhados, apesar de um investimento inicialmente alto – que varia entre R$ 5 a R$ 25 mil para uma família de quatro pessoas – a longo prazo pode sair mais barato que pagar a eletricidade produzida por terceiros.

Marconi ressaltou que o Estado não tem vocação para produzir energia eólica, mas tem muita condição para investir na solar. “Temos muito sol em mais de oito meses ao ano”, explica.

O objetivo do encontro, que contou com a presença dos secretários estaduais, além do diretor geral do Operador Nacional do Sistema elétrico, Hermes Chipp foi discutir o uso racional e os diferentes tipos de energia, com ênfase na solar.

Cejane Pupulin- Canal-Jornal da Bioenergia