Home » Biodiesel e Biogás » Biodiesel: cresce área plantada de soja

Biodiesel: cresce área plantada de soja

Print Friendly, PDF & Email

A soja é a matéria-prima de 82% do biodiesel produzido no Brasil, segundo a Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP). E de acordo com o Conselho Nacional de Politica Energética, CNPE, a estimativa é que a produção do biodiesel brasileira passe de 5,4 bilhões de litros anuais para mais de 10 bilhões de litros entre 2018 e 2023. Isso representa um aumento de 85% da demanda doméstica que é para abastecimento de veículos a diesel. Neste cenário, não deve faltar matéria-prima, já que a boa notícia é que o Brasil produzirá este ano 112,084 milhões de toneladas numa área de 36,067 milhões de hectares, alta de 2% sobre 2017/18 (35,241 milhões de ha).

Aliás, o crescimento da produção de soja será significativo em toda América do Sul, segundo a Consultoria Datagro. A área plantada com soja no Continente deverá atingir 59,527 milhões de hectares na safra 2018/19, com previsão de colheita de 182,117 milhões de toneladas na safra 2018/19. O número representa um aumento de 5% em relação ao montante colhido na temporada anterior, que chegou a 173,110 milhões de tons.

Na Argentina, a produção terá um salto, passando de 37 milhões de toneladas para 55 milhões no ciclo atual, uma elevação de 49%. A área será de 17,500 milhões de ha, 7% superior aos 16,300 milhões de ha na última temporada. Ainda segundo dados da Datagro, no Paraguai, são esperadas 8,900 milhões de toneladas e na Bolívia a colheita da oleaginosa deverá crescer 19%, chegando a 3,233 milhões de toneladas.